Tag Archives: Certificados do tesouro poupança mais

IGCP mantém Taxa dos Certificados do Tesouro em Novembro de 2016

No momento em que se fixam as remunerações para o penúltimo mês de subscrições do ano de 2016, o IGCP mantém taxa dos certificados do Tesouro em novembro de 2016. Apesar de uma descida das remunerações dos certificados do tesouro poupança mais estar nos planos do instituto público que gere a dívida do Estado português (conforme

Taxa dos Certificados do Tesouro vai descer ainda em 2016?

A taxa de juro dos Certificados do Tesouro Poupança Mais (CTPM) foi revista em baixa pela última vez em fevereiro de 2015. Sendo certo que desde então se tem registado uma descida das taxas de juro que remuneram os depósitos a prazo, estando as taxas de juro média bem abaixo do ponto percentual, a verdade

Dívida Pública em Certificados de Aforro e Certificados do Tesouro

Qual o volume de dívida pública em certificados de aforro e certificados do tesouro? Como tem evoluído ao longo dos anos? Qual o peso relativo desta forma de emissão de dívida na dívida total bruta? Estas são algumas perguntas a que procuramos responder usando a série cronológica entre julho de 2010 e maio de 2016.

Mais de €2 mil milhões em certificados do tesouro em 2015

Entre janeiro e agosto o Estado conseguiu arrecadar mais de €2 mil milhões em certificados do tesouro em 2015. Segundo os dados mais recentes divulgados no boletim estatístico do Banco de Portugal, o fluxo líquido dos certificados de aforro poupança mais somava o valor acumulado durante 2015 de €2.170,5 milhões, tendo arrecadado mais de €164,2

Juros dos Certificados descem em março de 2015

É um facto, os juros dos certificados descem em março de 2015.  A taxa de juro dos certificados de aforro série D em março de 2015 desce em março de 2015 para os 1,047% TANB. Recordamos que havia sido de 1,058% no mês anterior. Na série C, encerrada a novas subscrições em janeiro de 2015,

Quero fazer poupança a dois anos: certificados ou depósitos a prazo?

 Quero fazer poupança a dois anos: certificados ou depósitos a prazo? Esta é uma pergunta recorrente a que agora tem de se atualizar a resposta atendendo à redução abrupta das taxas de juro dos certificados de tesouro poupança mais. Nos últimos anos, as poupanças a mais de um ano foram ganhando relevo no total da

Certificados do Tesouro continuarão a ser um caso sério na captação de poupança?

Certificados do Tesouro caso sério na captação de poupança? Bom, na realidade serão os investidores que irão responder a esta pergunta. Para já, ao contrário do que sucedia até aqui, quem considere investir durante um ano num produto de poupança do estado tinha nos certificados de aforro o melhor aposta (pagando cerca de 3%) enquanto os

Depósitos a prazo passaram a ser mais competitivos face aos certificados de aforro

Os depósitos a prazo passaram a ser mais competitivos face aos certificados de aforro, infelizmente (para os aforradores) porque estes últimos perderam quase dois terços da remuneração que tiveram até 31 de janeiro de 2015.   Depósitos a prazo passaram a ser mais competitivos Na realidade, a partir de fevereiro de 2015 os certificados de

Literacia financeira sobre depósitos a prazo e poupança

Juros dos certificados de aforro – janeiro de 2015

  As taxas de juro dos certificados de aforro têm registado oscilações muito ligeiras ora no sentido ascendente ora descendente. Em janeiro de 2015 as novas subscrições de certificados de aforro ou os certificados da série C já existentes cujo trimestre coincide com janeiro serão remunerados à taxa anual nominal bruta (TANB) de 3,069% (3,068%

Top