IRS sobre os juros dos depósitos passou a ser de 28% desde 1 de janeiro de 2013

Poupança e depósitos

OIRS sobre os juros dos depósitos passou a ser de 28% desde 1 de janeiro de 2013, pelo menos para a generalidade dos consumidores finais ou aforradores particulares, se preferir.

Alguns leitores que têm consultado as fichas de informação normalizada dos depósitos a prazo verificando que surge por lá (ainda) anunciada uma taxa liberatória de IRS de 26,5% perguntam-nos qual é afinal a taxa em vigor.

Hoje, com a publicação oficial do Orçamento do Estado de 2013 é possível afirmar que a taxa liberatória em vigor é agora de 28%, ou seja, por cada €1 de juros brutos €0,28 revertem para o estado sendo retidos na fonte pela instituição depositária.

É natural que durante alguns dias algumas fichas de informação normaliza de alguns depósitos se mantenham desatualizadas, contudo, no momento de receção dos juros a taxa a pagar será já, inequivocamente, de 28%.

A base de dados de depósitos a prazo que mantemos com o Economia e Finanças considera já esta taxa. Em breve iremos proceder à atualização da informação sobre depósitos a prazo relativa a janeiro de 2013.

Bons negócios!

Faça o primeiro comentário a "IRS sobre os juros dos depósitos passou a ser de 28% desde 1 de janeiro de 2013"

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*